25 de out de 2011

Eu queria ser...

    Eu adoraria ser diferente do que eu sou no momento. Não, eu não acho que eu esteja agindo corretamente. Eu tô travada, estagnei e ainda não tive coragem de sair de onde eu parei. Não sei se isso é pura idiotice minha, se é algum tipo de escudo contra o medo de sofrer de novo e passar por todo aquele processo que me derruba ou sei lá mais o que pode ser. 
   Não tenho um histórico muito bom em relação à coisas que e considero importantes como, família, relacionamento e empregos. Nunca fui feliz em nenhum deles e eu acho que todas as coisas que aconteceram me ajudaram a ficar assim, medrosa e desiludida. 
   Eu queria ser mais confiante, eu queria ser menos ciumenta, eu queria ser mais corajosa, eu queria ser menos medrosa, eu queria ser, eu queria ter... Tá difícil, tá complicado, a vidinha tá mais ou menos e não como eu gostaria que fosse. Minha auto-estima tá no subsolo, consequentemente me acho incapaz de diversas coisas, mesmo coisas que eu sei que sou completamente capaz. 
   Isso tá me prejudicando, eu sei... Em todos os setores da minha vida! Desanimei de coisas que eu sempre amei fazer, como sair com meus amigos, conversar, tomar uma cerveja na calçada, e isso não é nada bom! E nessas eu acabo perdendo ou distanciando as pessoas que eu gosto e que gostam de mim, o que é a última coisa que eu quero no mundo, eu juro por tudo!
   Eu quero mudar! Quero ser mais presente, quero deixar de lado TODOS meus fantasmas e sim, conseguir (não somente tentar) ser feliz, definitivamente. Ninguém pode sonhar e viver por mim, então eu tô mais do que disposta a fazer isso. Preciso entender que as pessoas são diferentes uma das outras, e que por melhor que uma pessoa seja, ela vai me machucar um dia e eu vou ter que perdoá-la por isso. Não vou dizer que vai ser fácil, e realmente não será, mas eu vou conseguir, enfrentando meus medos e saindo da minha zona de conforto. 
   Nada no mundo é um mar de rosas, mas se a gente tentar e sempre pensar positivo as coisas melhoram e podem dar uma amenizada, eu creio. Então, a partir de hoje eu me desafio a agir e pensar diferente, e assim, ter um feedback positivo, é tudo o que eu eu desejo... Hoje é dia de ser feliz, bebê!